X
Menu
Subscrever newsletter:

«O Bairro Celeiros é lindo!» um video de Carolina Lecoq

Associação PédeXumbo (Atualizado em: 5 Julho, 2022 )

O nosso bairro, o bairro onde a PédeXumbo mora, é feito pelas suas gentes, mas também por ruas, ruelas, travessas e praças que entram e saem da muralha da cidade de Évora, esta cidade que é nossa e que é da Humanidade.

BAIRRO CELEIROS é o novo projeto da PédeXumbo que, em maio de 2022, levou um ciclo de programação para as ruas percorridas vezes sem conta, mas agora trasnformadas em palcos de concertos, cinema a céu aberto e estrelado, lugares de dança, música, espetáculos, aprendizagem e arte. Conhecemos também os olhares e os sorrisos dos nossos vizinhos, e de quem veio, dançou, cantou, conversou, tocou, fez flores, ajudou e participou nesta festa que esperamos dar continuidade com edições futuras.

O convite foi lançado aos vizinhos e ao público em geral para particparem num programa cultural preenchido com inusitados concertos em varandas, sessões de cinema sobre dança, música e tradições. Erguemos «@ menin@ danç@?», a instalação artística que ensinou quem por lá passou a dançar o Enleio, decorada com as flores feitas e aprendidas a muitas mãos. Sentamo-nos à mesa e conversámos sobre o presente e o futuro do Bairro com o projeto «À mesa é que a gente se entende», uma proposta da equipa de missão Évora 2027, e também sobre os sonhos e projetos que, como comunidade, temos para a cidade que habitamos. Abrimos as portas do nosso espaço, o Espaço Celeiros, para uma oficina e um baile animado de Forró. E fomos para as ruas cantar e aprender Cante e dançar e aprender danças do mundo. Foi um mês de encontros, partilhas e comunidade.

Com o espetáculo «Aprometido», encenado por três dos membros da equipa da PédeXumbo, e com o envolvimento na produção de toda a equipa da PédeXumbo, foi o derradeiro momento de entrega, num encerrar de ciclo, à volta de um mastro de promessa, onde quisemos deixar a semente da arte vivida em comunidade a pequenos e graúdos. Um espetáculo para os sentidos, onde «cheiros chegaram mais alto, cores deram vida às promessas, sabores a manter a tradição, dança, cante e uma roda onde nos juntamos em celebração», aprometendo que voltaremos a estar juntos no nosso Bairro.

Fomos recebidos de braços e coração abertos pelos nossos vizinhos. E ficámos a conhecer a histórias das suas vivências do Bairro, do saudosismo dos tempos em que se conheciam as caras de quem o habitava, dos tempos em que se ouvia cantar por entre portas, janelas, cafés e se bailava nas ruas em dias de festa. Fica o alento e a vontade de continuar a trabalhar para que as ruas do bairro possam ser habitadas por arte, música, dança, saber-fazer, num espírito de partilha, entreajuda e comunidade.

Já sabemos de cor o nome das ruas e travessas do nosso Bairro, mas agora dizemos todos os dias: «O BAIRRO CELEIROS é lindo!»

Continuamos por cá e queremos continuar nestas ruas!

Um video de Carolina Lecoq

—————–

Este projeto nasceu da vontade de criar um bairro como um todo participativo e interativo, no espaço geográfico já habitado pela PédeXumbo, com sede nos Antigos Celeiros da EPAC de Évora (Rua do Eborim). O projeto mapeou uma área da cidade de Évora. Do Rossio de São Brás ao Largo da Misericórdia, do Largo da Porta de Moura ao Largo de São Vicente, o projeto BAIRRO CELEIROS assume agora diferentes espaços como lugares de programação, encontros culturais, trabalho coletivo e participado e chega a praças, largos, esplanadas, mas também aos residentes, aos comerciantes, aos vizinhos culturais, aos que habitam este bairro.

O BAIRRO CELEIROS é um palco cultural aglutinante, permitindo o usufruto livre de cultura, da criação artística participada e do pensamento crítico sobre os espaços que habitamos, sobre como queremos usufruir das nossas ruas e lugares, potenciando um diálogo cruzado com moradores, transeuntes, comerciantes, agentes culturais. Um bairro de portas abertas a dinâmicas de cultura participativa, um projeto aberto a tod@s.

+ informação em www.pedexumbo.com/bairro-celeiros/

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Conteúdo relacionado
<
>
PERFORMANCE «Atravessar - a invenção de um percurso dançado pelo Bairro Celeiros»
É primavera! Vamos viver as ruas do Bairro Celeiros?
«ATRAVESSAR - a invenção de um percurso dançado pelo Bairro Celeiros»: começa já na próxima semana a residência artística da Bárbara Faustino no nosso bairro.
«ATRAVESSAR - a invenção de um percurso dançado pelo Bairro Celeiros» de Bárbara Faustino foi o projeto selecionado para esta edição da Bolsa de Novas Criações da Pédexumbo
Bairro Celeiros
Ciclo de Programação «Aprometemos atividades no Bairro»
Bairro Celeiros || 2022 || «Aprometemos atividades no bairro»
Bairro Celeiros || 2023 || «Passo a passo, a caminhar pelo Bairro Celeiros»
Candidaturas encerradas para a Bolsa «Dançar Ocupando o Bairro Celeiros»! Respostas a 26 de março.
Chamada para novas criações: de 26 de janeiro a 26 de fevereiro, artistas podem candidatar projetos à Bolsa «Dançar Ocupando o Bairro Celeiros»!
«Passo a Passo, a caminhar pelo Bairro Celeiros» um documentário de Carolina Lecoq | 2023
Os vizinhos do Bairro Celeiros marcam encontro esta quinta-feira, para o lançamento de "Passo a passo, a caminhar pelo Bairro Celeiros", um documentário de Carolina Lecoq
«O Bairro Celeiros é lindo!» um video de Carolina Lecoq
O percussionista Juan de la Fuente vai estar com a Orquestra do Bairro para uma formação, nos dias 18 e 19 de junho!
Estreia da ORQUESTRA DO BAIRRO
A ORQUESTRA DO BAIRRO estreia dia 19 de junho!
BAIRRO CELEIROS, uma galeria de fotografias de Fu Qiang
No próximo dia 21 de maio, há mini-concertos nas varandas do BAIRRO CELEIROS, em Évora, com ToZé Bexiga, Ana Santos e Fibrja!
Do Bairro para o Mundo - estreia da Orquestra do Bairro, dia 21 de maio, em Évora
Em maio, dançamos nas ruas do BAIRRO CELEIROS!
O Bairro Celeiros é lindo! E vai ter dança, música, performance, cinema, oficinas de saber fazer, de 2 a 27 maio, em Évora!
BAIRRO CELEIROS é o novo projeto da PédeXumbo em Évora. Em maio traz um ciclo de programação para toda a comunidade!

Scroll to top