X
Menu
Subscrever newsletter:

Pessoas Cheias de Território

Associação PédeXumbo (Atualizado em: 3 Janeiro, 2023 )

Um projeto PédeXumbo

Pessoas Cheias de Território dedica-se a um território que está cada vez menos populado e mais envelhecido – o Alentejo Interior – e este ano conta com a primeira de quatro edições. Tendo em conta a experiência da PédeXumbo neste território, sabe-se da vivacidade e da motivação que existe nesta população para ser desafiada para projetos colaborativos e criativos. As crianças e os idosos são os grupos privilegiados neste projeto, que reconhece a importância das relações intergeracionais para a passagem de práticas culturais e para a apropriação das mesmas no agora.

A criação artística com a comunidade tem sido um dos focos de trabalho da PédeXumbo, nos últimos 16 anos. O projeto Pessoas Cheias de Território parte do formato de trabalho artístico com a comunidade que tem sido desenvolvido no concelho de Castro Verde, nos últimos anos, no período que antecede o festival Entrudanças, e que não só liga a comunidade ao festival e a PédeXumbo ao território onde programa, como promove o trabalho artístico de um ou vários artistas convidados junto de um maior número de pessoas, perimitindo ainda que a população desta comunidade se expresse artisticamente.

Assim, nos próximos quatro anos, propomo-nos a alargar esta ideia aos outros dois concelhos do Alentejo onde a PédeXumbo tem os seus festivais: Reguengos de Monsaraz e Évora.

Anualmente será lançado o convite a um ou mais artistas para que desenvolvam o projeto com um tema por ano, que deverá, em cada lugar, absorver as características dos diferentes territórios, épocas do ano e grupos-alvo. 

3 Comunidades

Castro Verde, Reguengos de Monsaraz e Évora

O projeto Pessoas Cheias de Território conta com o trabalho artístico de um artista por ano, que irá unir-se às comunidades dos três concelhos onde a PédeXumbo realiza os seus festivais – Castro Verde, Reguengos de Monsaraz e Évora -, numa parceria com os três municipios.

Três comunidades, três festivais, três criações. Estes trabalhos serão desenvolvidos com diferentes grupos das comunidades locais, no período que antecede cada um dos festivais. O resultado destes trabalhos será apresentado em formato expositivo e/ou performativo, no âmbito da programação de cada um dos festivais da PédeXumbo que acontece nestes concelhos – Entrudanças, Andanças e Desdobra-te

O projeto de criação será faseado dependendo do calendário de cada território: Entradas/Castro Verde – janeiro e fevereiro; Campinho/Reguengos de Monsaraz – maio/junho; Évora – outubro/novembro. No horizonte está o sonho de se organizar um intercâmbio entre todas as “Pessoas cheias de território”.

Em 2023, Um Pé, Mil Sapatoscom Sara Rodrigues, da Ágora Creators

Para desenvolver este projeto artístico em 2023, a PédeXumbo convidou a artista Sara Rodrigues, figurinista com uma forte ligação às danças tradicionais e fundadora da Ágora Creators, um projeto de espaço de atelier partilhado, que conta com vários cursos e workshops relacionados com diversas áreas da expressão plástica, em Setúbal. A proposta lançada à artista convidada dá mote ao tema do Plano de Atividades da PédeXumbo para o próximo quadriénio – “Dançar (o) Agora”. Através da narrativa de que um passo não vem só e juntos podemos dançar e caminhar, mesmo que os ritmos estejam desfasados, a proposta é a de abrandar e sentir o lugar e o nosso par. O projeto terá espaço para conhecer os locais, quem os habita e os rituais de andar e dançar de cada território. Esse andar, que também pode ser olhado como uma coreografia, percorre o caminho de cada festival onde o terreiro será o lugar da apresentação. Nasce assim o tema Um Pé, Mil Sapatos que provoca o encontro, e também o desencontro dentro e fora das comunidades. Através da sua experiência como bailadora e formada em figuração, Sara Rodrigues irá proporcionar a todos os participantes dinâmicas de pensar, construir, desconstruir e de repensar este tema, que ganhará forma numa instalação artística participada.

Será ainda integrado o projeto musical Orquestra do Bairro – resultado de uma criação da PédeXumbo em 2022 – para trabalhar a música e a dança junto da comunidade. Neste projeto irão criar faixas que possam integrar a instalação e momentos performativos que convidem à participação das comunidades.

Sara Rodrigues 

Biografia
Formada em Costume Design for Performance, pela London College of Fashion, onde completou o Mestrado, Licenciada em Design de Cena pela Escola Superior de Teatro e Cinema e profissional em Cinema e Vídeo pela António Arroio. Figurinista desde 2014, faz design e execução de Figurinos e Adereços para Teatro, Dança e Cinema. Tem colaborado com diversas companhias, como o Teatro Animação de Setúbal, Teatro O Bando, TOMA, Hackney Children’s Theatre, Seven Sisters Group, Teatro Estúdio Fontenova, Grupo Cru, entre outras. Entre 2017 e 2018 foi colaboradora na Peris Costumes, Lisboa, trabalhando como técnica no atelier de Maria Gonzaga. Colabora, enquanto formadora, com a Cáritas, o Teatro do Elefante e com a Câmara Municipal de Setúbal, tendo desenvolvido formação na área da expressão plástica para o IEFP em 2021.

Links
Instagram: www.instagram.com/sararodriguesdesigns/
Facebook: www.facebook.com/SaraRodriguesDesigns
Website: cargocollective.com/sararodriguesdesigns

Design de Beatriz Nunes

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Scroll to top