X
Menu
Subscrever newsletter:

Concerto Baile Folk no Espaço Celeiros com Eva Parmenter

Associação PédeXumbo (Atualizado em: 2 Dezembro, 2018 )
25
JAN
2019
Local:
Espaço Celeiros, Évora

Espaço Celeiros, Évora || Concerto Baile Folk com Eva Parmenter || 25 de Janeiro 19 || 22h00

Os bailes estão de regresso ao Espaço Celeiros em Janeiro.

A musicalidade de Eva Parmenter é estimulada desde o berço pelo seus pais de uma forma tão lúdica quanto apaixonada. Aos 7 anos conhece o festival Andanças (música e dança tradicional do mundo), que passa a ser a sua segunda casa e aí nutre-se de várias inspirações tanto musicais como de dança, que serão uma forte influência no seu percurso até aos dias de hoje. A sua aprendizagem musical a nível académico passa pelo piano e cravo, e a nível autodidacta pelas flautas de bisel e flauta transversal. Começa a tocar concertina em 2006 tendo participado em múltiplas formações com mestres como Norbert Pignol, Stéphane Milleret, Kepa Junkera, Artur Fernandes, Simone Bottasso, Ross Daly, Kostas Anastasiadis, Gretchen Parlato, Rebecca Martin, Becca Stevens, entre outros.

Actualmente desenvolve a actividade profissional de músico e lecciona concertina assim como danças tradicionais europeias. Toca com o duo Parapente700, Caravana, Tugoslavic Orkestar, Ó Chibinha, Trio Ronen – De La Fuente – Parmenter, Vagaço Colectivo, Baile das Histórias, Jangada (Quarteto Ibérico de Concertinas) e a Solo. Com estas formações tem participado em inúmeros festivais de música e dança assim como em concertos isolados em Espanha, França, Bélgica, Holanda, Portugal, Alemanha, Reino Unido, Itália, Suíça, Suécia, Eslovénia, Hungria, China e Brasil.

Na viagem e travessia de várias culturas, são contínuos os intercambios e colaborações com artistas estrangeiros.

Mantendo sempre as suas raízes em Portugal desenvolve uma linguagem própria onde as suas composições vão beber à sua Lisboa eclética, mergulhando nas influências que traz: do Jazz à Música das Ex-colónias africanas, passando pela Música Brasileira assim como os Ritmos da América do Sul ou a dita “Musica do Mundo”.

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Scroll to top