X
Menu
Subscrever newsletter:

Criações Artísticas

Associação PédeXumbo (Atualizado em: 9 Novembro, 2018 )

A criação artística na PX permite abordar novas formas de pensamento, que são, conforme a nossa visão e objetivos, absolutamente essenciais numa sociedade massificada e sujeita a fortes pressões de culturas dominantes e mediatizadas.

Na PX, a criação artística de bailes nasce assim de abordagens inovadoras a esta forma de cultura popular secular, partindo de repertórios registados, nomeadamente de edições em livros ou CDs, ou do convite a artistas para desenvolverem um trabalho de criação.

As criações artísticas surgem no âmbito de outros eventos e projetos, interligados na relação particular com uma determinada comunidade ou na percepção de um modelo
coreográfico capaz de ser trabalhado também em comunidade. São projetos com especial interesse para o conhecimento, valorização e devolução de estilos coreográficos e, ao mesmo tempo, um incentivo a uma visão criativa e uma atitude reflexiva. São uma ponte entre o passado, o presente e o futuro.

A PédeXumbo apercebendo-se da grande cumplicidade existente entre Inês Campos e Raphaël Decoster, e da abordagem contemporânea e criativa destes dois artistas à música e à dança tradicional, lançou o convite para que criassem um novo baile.  Deste convite nasceu o projeto HORSES, que surgiu da residência artística que decorreu em 2018 no âmbito do projecto “Novas Criações PX”, em que se propôs a criação de um novo formato de baile que apostasse na fusão do tradicional com o contemporâneo.
Em HORSES tiram-se do poço melodias de raiz tradicional e, sob um ponto de vista pessoal e experimental, Inês e Raphaël imprimem na música uma camada que não lhe pertence de base, traduzindo emoções numa “tridimensionalidade textural” composta por referências contemporâneas que ambos têm vontade de explorar.
HORSES propõe-se assim como uma festa participativa, para dançar e para cantar.
Inês e Raphaël colaboram desde 2014 em projetos relacionados com as artes visuais (exposições e performances) e tocaram juntos em diferentes Orquestras Ethno. HORSES é o primeiro projeto musical que assinam em conjunto.
Inês Campos: voz, violoncelo
Raphaël Decoster: acordeão diatónico, pedal de efeitos
Disponível para circular, mais informações: leonor.carpinteiro@pedexumbo.com
Em residência de 15 a 23 de novembro no Espaço Celeiros, Évora, 2018; Apresentação dia 23 de novembro, no Círculo Eborense, num espetáculo inserido no Festival 20AnosPX. Mais informação em breve.
UM MASTRO POR UM DIA é uma proposta artística da Associação PédeXumbo que decorreu no Centro Histórico de Évora, mais concretamente no Largo dos Mercadores, integrada no programa Artes à Rua 2018. Esta iniciativa, cruzou a música, com a dança e com as artes plásticas e é o resultado de uma residência artística única, cujo destaque assentou no facto de contar com a participação e o envolvimento da própria comunidade residente na Rua dos Mercadores e ruas próximas, na criação dos enfeites do Mastro. Direção artística de Maja Escher  Assistente artística Ariel Pinheiro Direção musical e música de Tozé Bexiga Coordenação e Produção Marta Guerreiro Produção Leonor Carpinteiro Registo Vídeo Cooperativa Cultural – CAL

Eles acordam numa enorme tela em branco e descobrem que não estão sozinhos. O que existe para além deste branco?
Nesta tela eles exprimem diferentes matizes de emoções, diferentes intensidades e cores. O amor e a raiva têm a mesma cor? Porque é que eu visto azul se gosto mais de cor-de-rosa? E o medo é preto? Então se eu estou com medo, porque é que não vejo nada preto à minha volta?

UMA CRIAÇÃO DE Ana Silvestre e Márcio Pereira
COM SONOPLASTIA DE Mara
UMA PRODUÇÃO PédeXumbo
COM O APOIO A Bruxa Teatro
CLASSIFICAÇÃO ETÁRIA M6

Disponível para circular, mais informações: leonor.carpinteiro@pedexumbo.com

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Scroll to top